facebook

Clube Atlântico de Esgrima

Logotipo
Atlântico conquista 2 Ouros, 2 Pratas e 2 Bronzes no Campeonato Nacional de Espada Sénior PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Domingo, 26 Maio 2019 19:23

Extraordinário desempenho dos espadistas do Atlântico no Nacional de Espada Sénior, com Pedro Arede a sagrar-se Campeão Nacional, João Cordeiro Vice-Campeão e João Cruz 3º, seguindo-se, no segundo dia, o feito inédito de, também no setor masculino, conquistarmos os três lugares do pódio: Candeias, Cordeiro, Arede e Cruz com o Ouro, Lima, Sernadas e Miguel e Filipe Frazão com Prata e Milharadas, Valido, Austen e Bruschy com o Bronze.

Campeões Nac 2019No sábado disputaram-se as provas individuais com o setor masculino a contar com 43 atiradores e o feminino com 21.

Com 16 atiradores na prova masculina, cedo o Atlântico se posicionou para discutir o Título de Campeão com vários candidatos.

Passados os quadros 64, 32 e 16, com diversos confrontos que opuseram companheiros de equipa, 5 atiradores do Atlântico chegaram aos quartos-de-final.

Esta fase voltou a juntar dois pares de atletas de meias às riscas. João Cordeiro afastou o jovem Miguel Frazão num apertado 15/14, enquanto João Cruz ultrapassava Pequito por 15/5. Do outro lado do quadro Pedro Arede chegou ao final do tempo regulamentar empatado a 12 toques com Max Rod e, no minuto da prioridade, esteve mais forte e venceu 13/12.

Na meia-final, Arede voltou a estar muito seguro nos momentos decisivos e, frente a Gonçalo Alves, voltou a vencer por um toque, desta feita por 9/8, enquanto Cordeiro afastava Cruz por 15/13.

Na final Arede entrou melhor e destacou-se com 4/0. Cordeiro igualou e os segundo e terceiro período foram marcados pelo equilíbrio, com Arede a ganhar vantagem e logo Cordeiro a voltar a igualar até que o tempo se esgotou com o marcador 12/12. O minuto da prioridade voltaria a ser o palco da decisão de mais um jogo e iria determinar, se Cordeiro conquistava o seu 10º Título individual, ou se Arede voltaria a ser Campeão, 11 anos depois de o ter alcançado pela primeira vez. Arede conquistou o toque decisivo e repetiu o feito de 2008.

Miguel Frazão 5º, Pequito 7º, Onofre 9º, Candeias 10º, Teixeira 14º, Milharadas 15º, Lima 18º, Bolaños 19º, Valido 22º, Sernadas 24º, Bruschy 25º, Filipe Frazão 26º (ainda a jogar, notavelmente, à esquerda, por lesão na mão direita) e Amaral 40º, completaram a participação do Atlântico.

No setor feminino o Atlântico esteve representado por Teresa Ramalho - 13ª, Catarina Ferreira – 16ª e Maria Carmo Arede 20ª.

No domingo realizou-se a prova de equipas. O setor masculino foi o primeiro a iniciar e o Atlântico apresentou 4 formações entre as 9 inscritas. Excelente prestação de todos os conjuntos nos quartos-de-final, com 3 deles a avançarem para as meias finais, ficando apenas uma das equipas para a disputa do 5º ao 8º lugar, depois de perder 41/45 frente À formação da AEJG.

As meias-finais juntaram a equipa 2 – Lima, Sernadas e Frazões – frente à equipa 4 – Milharadas, Valido, Austen e Bruschy – com os mais novos a vencerem por 45/23, enquanto a equipa 1 – Candeias, Cordeiro, Arede e Cruz – afastavam a AEJG por 45/31, juntando-se aos mais jovens para a final.

A final foi muito disputada, com os mais experientes a destacarem-se a partir do último terço do encontro, vencendo por 45/34.

Na disputa do 3º lugar do pódio estavam, Milharadas, Valido, Austen e Bruschy, frente à AEJG, na tentativa de conseguir um inédito pódio completo para o Atlântico. Esta equipa 4, que no início da jornada havia já afastado a formação da AAACM por 45/29, voltou a efectuar um grande encontro e com 45/38, alcançaram o Bronze.

A equipa formada por Pequito, Teixeira, Bolaños e Onofre, que esteve às portas da meia-final, venceu todos os encontros no quadro de disputa do 5º ao 8º lugar terminando assim na 5ª posição.

O setor feminino teve 4 equipas em prova e o Atlântico – Teresa Ramalho, Kzenia Smirnova, Catarina Ferreira e Maria Carmo Arede -, num misto de juventude e “juventude de outros tempos”, realizou dois excelentes encontros, batendo-se muito bem frente à AEJG e à CEESA. Em ambos os encontros perdemos 37/45, ficando assim na 4ª posição.

É ainda de realçar que esta vitória no setor masculino é a 13ª consecutiva para este grupo. 2007 e 2008, ainda com as cores do Parede FC e, desde 2009, com as cores do Atlântico.

Pelo 3º ano consecutivo o Atlântico conseguiu ainda, no setor masculino, vencer o Nacional de Equipas de todos os Escalões – Iniciados, Cadetes, Juniores e Seniores – pelo que é um orgulho enorme para toda a família Atlântico, tudo o que temos conseguido alcançar, mas, principalmente, aquilo que, em conjunto, temos vivido neste longo percurso no mundo do Esgrima.

Comentarios (0)

Escreva seu Comentario

Voce precisa estar logado para postar um comentario. Por favor registre-se se caso nao tenha uma conta

busy
 
bannerdiariodonuno

Eventos

Junho 2019 Julho 2019 Agosto 2019
Se Te Qu Qu Se Do
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31

Próximos Eventos

Não há eventos agendados.
Visualizar calendário completo

Área Reservada



Parceiros


Desenvolvimento de sites por Made2Web
® 2008 - Clube Atlântico de Esgrima
Todos os Direitos Reservados